Dia 7 de maio meu marido e eu fomos  para Barcelona. Viajamos pela Lufthansa e fizemos uma parada em Frankfurt.

 

Em terras espanholas nos hospedamos no hotel Oriente Atiram, o escolhemos por ficar em La Rambla, um enorme calçadão mais famoso da cidade, bem no centro perto de metrô, da praça Catalunha e ao lado do bairro Gótico. Da praça Catalunha partem os ônibus que fazem o percurso por toda a cidade, com paradas nos pontos de interesse onde se pode descer circular e depois entrar de novo e continuar o tour. Os taxis também ficam a postos para que os visitantes tenham mais opção de chegar aos famosos pontos que fazem dessa cidade um deslumbramento que conquista a todos que a visitam.

Este calçadão La Ramblas é bem largo e extenso e  fica coalhado de pessoas. É interessante ver os transeuntes das mais diversas nacionalidades, ouvir ao passar por eles uma infinidade de idiomas falados por cada um com suas vestimentas diferentes das que estamos acostumados, pois cada um se traja de acordo com a moda de seus países.

Japoneses passam aos montes, alegres a postos com seus fones fazendo selfie, mas não são só eles não.Por estar calor apesar de ainda ser primavera por lá e a previsão,  era que estivesse frio, que nada, tinha mulheres de mini, de shorts, burca, e sari, um desfile de cores e modelos que enchiam  os olhos.

Esta via já era famosa em Barcelona,  mas o atentado terrorista que aconteceu lá em agosto de 2017, a colocou em todos os noticiários pelo mundo deixando uma triste lembrança para todos, apesar do acontecido porém,  pude constatar que a vida continua por lá com turistas do mundo todo circulando por ela, se encantando com sua beleza e aproveitando para comer e beber nas muitas opções dos restaurantes que ficam em toda ela e aproveitando para comprar  lembrancinhas nas inúmeras barraquinhas.

O movimento começa bem cedo e se estende até bem tarde, o interessante é que se circula por lá sem medo de ser feliz, a segurança existe, apesar de nos hotéis eles avisarem para cuidar de suas bolsas porque poderia haver batedores de carteiras, nós andamos tanto por tantos lugares e não vimos nada que comprovasse essa prática.

Eu já tinha ouvido falar que Barcelona tinha muitos turistas, mas olhe pra falar a verdade,  não imaginei que fossem tantos, pra onde se vá há gente com suas malas em um  vai e vem impressionante. Isso a gente percebe  pela cidade toda, agora nos pontos turísticos então é inacreditável, é gente demais.

Estar em Barcelona e sentir sua vibração que apaixona por sua riqueza cultural, por caminhar no bairro Gótico e conhecer a igreja onde Cristovão Colombo foi recebido pelos reis espanhóis para contar  da sua descoberta do novo mundo é comovente.

Depois de mais de 2000 anos da sua fundação,  a cidade hoje se destaca no mundo pela sua influência no  comércio, na educação, moda, nas artes, na mídia, no entretenimento fazendo que ela seja além de Patrimônio Mundial uma cidade que deve ser incluída na lista de viajantes que querem aproveitar ao máximo a despesa feita em euro, que pra nós brasileiros é cara mas que vale cada vez que se tem que abrir a carteira.

Em qualquer site de turismo todos podem pesquisar e aprender tudo sobre a Sagrada Família, que começou a ser construída em 1882 e saber tudo de Gaudi que se dedicou a sua construção por 40 anos, estar lá e observar  sua beleza majestosa nos faz quase sentir a pulsação do  seu talento nas paredes, nos seus vitrais, nas suas 12  torres, pode crer a gente sai de lá impactado, maravilhado e emocionado, foi exatamente o que aconteceu comigo e com meu marido, sabe o que significa ficar  extasiado? Então vocês vão saber,  quando estiverem lá também.

Mas Barcelona tem tanta coisa a mais que não cabe em um só texto, as lembranças da visita a Casa Batlló também Patrimônio Mundial, é uma residência de 5 mil metros quadrados de pura beleza, com sua formas arredondadas suas cores e suas luzes, sim é Imperdível conhece -la e nunca mais esquecer dela

Não posso deixar de falar da praia mediterrânea, sabe o que é azul até demais? Então é lá que ele fica e  está emoldurado pelas areias branquinhas que dá gosto ver. Não entrei, mas dizem que apesar de convidativa,  para nós talvez a água seja fria, eu preferi apenas caminhar por sua extensão e depois aproveitar para conhecer  o Shopping Maremagnum que tem uma grande marina onde se enfileiram os iates enormes que nos deixa de queixo caído. Era domingo e as lojas não abrem nesse dia e o único lugar para se comprar é aí, além de ter  ótimos restaurantes e a vista é linda. Valeu a visita.

E para não dizer que não falei de compras, gente, o prédio enorme do El Corte Inglês fica na praça Catalunha e  se perder lá dentro entre a infinidade de opções é convite para a gente cair matando no cartão de crédito e quando chegar de volta para o nosso aconchego, quase morrer de susto quando a conta chegar Eu achei tudo caro aliás em Portugal também fui nessa mesma loja e por lá não era assim.

Na mesma praça há a Zara, roupas lindas com melhor preço do que pagamos aqui e apesar de meu anjinho dizer para eu não comprar,  o meu diabinho disse “compra” e aí entreguei os pontos. Ah! quase ia me esquecendo,  ainda na mesma praça há a C&A. Foi uma decepção, coisas que pareciam de carregação e em nada se parece com o charme das que conhecemos por aqui.

Agora,  pra gastar sem dó nem piedade lá fui eu para a Primark . Conheci esta rede de lojas que é da Irlanda tanto em Dublin, quanto em Londres e posso dizer é o paraíso de roupas lindas, boas e baratas. Pra quem for para Barcelona não deixem de conhecer. Com certeza vão me agradecer a dica.

Mas depois de perambular e gastar a sola do meu rico sapatinho nesses dias todos, fomos eu e o maridão para a despedida de Barcelona, pois no porto estava a nossa espera o imenso navio da Costa, que nos levaria a fazer o cruzeiro por Palmas de Maiorca, Savona, Genova, Porto Fino, Santa Margarita, Roma e Marselha e aí será outra estória que vou contar logo, logo. Me aguardem.

Lá Ramblas
Lá Ramblas
Lá Ramblas
« 1 de 12 »

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Veja também

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *