Cabelos molhados

Hoje eu quero andar descalça, rodopiar em uma dança louca em todos os salões em que nunca pisei. Quero deitar na relva verdinha, em um campo de florzinhas amarelas, ficar bem quietinha e ouvir só o barulho do silêncio. Quero esquecer tudo o que não paro de lembrar,  que me machuca, corrói e me faz … Leia Mais

Garota

E aí? Já decidiu se vai ser médica, engenheira, costureira, modelo, manequim, motorista de caminhão, babá, escritora, maquiadora, policial feminina, enfermeira ou atriz? Ah! Já sei, ainda está indecisa? Pois lhe dou toda razão, bom seria continuar menina brincando de adulta para sempre, sem ter que decidir nada, não é? Só que não vai dar, … Leia Mais

Passeata do Bem

Hoje vou entrar no Facebook e chamar todo mundo para uma passeata. Vamos carregar cartazes, gritar palavras de ordem, nos vestiremos de branco, enfim faremos tudo como manda o figurino das manifestações atuais. Só que nosso foco será outro. Não iremos protestar por nada, ao contrário vamos apenas agradecer pelo milagre da vida. Juntos cantaremos … Leia Mais

Salto cinco

Folheando uma revista estes dias, li que existe aqui em São Paulo, um clube,  como aliás,  há em outras partes do mundo, onde se reune a geração dos 80,  para com nostalgia falar cada um das suas lembranças. Essa turma tem em torno mais de 40 anos e sabe bem o que é saudades. Aí … Leia Mais

Circo da Vida

Na pracinha em frente à alfaiataria do meu pai havia um parquinho de diversões. Chamava parquinho do Canelinha. Aos domingos ele apresenta um show dos calouros, eu como sempre muito espevitada, lá citei muitas vezes. Por sorte dos vizinhos, minha carreira de cantora, logo se encerrou, porque o Canelinha tomado por dores de um amor … Leia Mais